Wills Leal cobra novos produtos turísticos

UNIMED

Compartilhar:

Dois meses após se submeter à intervenções cirúrgicas, o jornalista Willls Leal nos recebeu em seu apartamento na orla do Cabo Branco para um bate papo sobre o turismo paraibano.
Com mais de 50 anos envolvido com o setor – foi um dos fundadores da PBTUR – Wills tem autoridade para analisar a atual situação. E é de opinião dele, ao contrário do que apregoam os informes oficiais, “os “gargalos” continuam e o que é essencial não é considerado”.
- Só se preocupam em “vender” o destino Paraíba e não há a menor ação de criação - o que é essencial – de novos Produtos Turísticos. O foco tem que ser mudado, estimula-se a vinda de voos internacionais e não se dá a mínima ao nosso forte que é o eixo Recife/Natal. E há informações que o voo para a Argentina não virá mais e o de Portugal também estaria desconsiderado, afirmou.
A propósito, segundo levantamento do próprio Wills, em nossa principal rede hoteleira, a Nord, foi muito insignificante a presença dos argentinos na Paraíba em todo o ano passado.
- Hospedaram-se menos de 400 passageiros da Argentina, sendo que em Junho e Julho não veio ninguém. Nestes três primeiros meses deste ano em vez de subir, houve foi uma queda de 30%. Enquanto abandonamos os mercados regionais, nos aventuramos nos outros, concluiu.



Tags: abelardo, história, portal abelardo


Abelardo Indica


Instagram


Parceiros