Adeus à diva do teatro

Manaira Shopping - Happy Hours

Compartilhar:

O Brasil vem acumulando perdas consideráveis nas letras e nas artes. Depois do trágico acidente que matou o jornalista Ricardo Boechat, agora é hora do País chorar o falecimento da atriz, cantora e produtora cultural Bibi Ferreira, a primeira dama do teatro brasileiro, uma artista extraclasse só comparada a Edith Piaf, Liza Minelle e Barbra Streisend, estrelas de primeira grandeza no cenário artístico internacional. Filha do grande ator Procópio Ferreira, um gênio dos palcos, Bibi Ferreira tinha uma forte ligação com a Paraíba: foi casada com o autor paraibano Paulo Pontes, que dá nome ao teatro do Espaço Cultural, autor de peças premiadas e considerado entre os grandes nomes da dramaturgia nacional. A propósito, o irmão de Paulo Pontes, o também escritor e roteirista Ipojuca Pontes, que reside no Rio de Janeiro, também era casado com uma grande atriz, Thereza Raquel, já falecida. Bibi Ferreira tinha 96 anos e há pouco tempo esteve em João Pessoa estrelando um espetáculo memorável no Teatro Pedra do Reino que marcou as suas despedidas dos palcos.



Tags: abelardo, história, portal abelardo


Abelardo Indica


Instagram


Parceiros